Dizem que a idade nos traz sabedoria!
Quem inventou tamanho disparate?
Nada disso...
Traz desejo, maluqueira, vontade, a inconsequência mantém-se, o impulso existe, qual teenager de 16 anos.
Quem disse que a idade traz sabedoria? Mentira!
Ou então eu fujo à regra...serei eu diferente?
Passei a ter desejo de viver tudo intensamente, mandar-me sem pensar se vou cair ou me magoar, sem pensar nas consequências, sem querer saber das aparências…farta, farta de me conter, farta de pensar e depois agir, farta de ser a menina perfeita!
Quero abraçar a vida, quero abraçar o abismo, quero aprender, quero perceber…por agora ter o que não tinha.
Ensinaram-me que estamos cá, nesta vida, para aprendermos e nos aperfeiçoarmos como pessoas.
Aprendi que tenho uma coisa chamada alma, percebi que é uma alma com saudade, com muitas cicatrizes, mas que é uma alma bonita, chamaram-lhe alma de fadista.
E vi a luz, consegui!!!!! A luz que me trouxe paz mas também a vontade de fazer tudo!
Percebi da pior maneira possível, que as melhores coisas da vida, são as mais simples, e são mesmo, parece frase feita, mas nada é tão verdadeiro.
Viver, sentir e amar incondicionalmente, não mentir a mim mesma, aceitar-me como sou, enfim, fazer as pazes comigo.
Percebo agora que tudo o que defendia era demasiado fútil, não vou mais fugir e a viagem começou, a viagem em busca da verdadeira Sandra.
E nesta viagem, juntei na mochila, o desejo, a vontade, a inconsequência, o impulso, adrenalina…um cocktail de emoções explosivo.
E siga a viagem…que eu quero viver!
Quem disse que a idade traz sabedoria?
Mentira!

Comentários

  1. viagem de absoluto existir e daquela paz sentida que só uma alma assim nos pode dar...

    seguem os dias em que gosto mais de ti. muito mais:)

    ResponderEliminar
  2. Natália tu percebeste!!!!! Um beijo nesse coração lindo:)

    ResponderEliminar
  3. Muito giro Sandra!!!! Por vezes é difícil, senão impossível, conseguir ultrapassar determinadas coisas que nos acontecem! Mas temos que tentar, primeiro por nós mesmos e depois então para os outros! Bjs do madeirense amigo!!!! ;)

    ResponderEliminar
  4. "A experiência só me ensinou que a experiência não ensina nada a ninguém." :) A Clara Ferreira Alves disse isto uma vez e eu concordo plemnamente. É claro que é um exagero, mas serve para dizer que as emoções mandam muito mais nas nossas tomadas de decisão, na forma como vivemos, do que a sabedoria. E o que é isso de sabedoria, afinal?! O Dalai Lama é um sábio que adora rir, brincar e contar piadas.
    Gostei teu texto, da libertação e do grito do Ipiranga que soa nele.

    ResponderEliminar
  5. Difícil escrever sobre essa viagem, mais difícil ainda quando a mochila está nas nossas costas... para ti parece fácil. E isto não é mentira :)

    ResponderEliminar
  6. ...quem me dera ter escrito este texto. sinto-o em cada poro

    ...apenas aprendi (porque tenho muito mais idade:-)) a conciliar (a palavra) experiência com sabedoria, por isso começo a aceitar esse clichè...mas cada experiência é unica e a aprendizagem perde-se neste paradigma.

    ResponderEliminar

Enviar um comentário