Aqui desta Janela



Célia era uma mulher simples, bonita dedicada a sua casa e aos filhos.
Dia a dia, o avental e o lenço na cabeça e o chinelo de dedos compunha o visual dela.
À tarde, recebia o marido, toda perfumada e pronta, para servi-lo!

Os passeios eram escassos, vez por outra acontecia uma viagem, para visitar parentes.
Um dia, debruçada na janela, sonhou e como por encanto viu lá fora um mundo diferente.

Quem quiser ver novos horizontes, precisa olhar com o coração aberto e a consciência generosa... Para ver o que é real e além das aparências.
Para ver, não só as coisas do mundo, mas a luz que anima a própria vida.
Para perceber que há algo além do que os cinco sentidos podem captar.
Para ir além de si mesmo...

Ah, é preciso ver com o coração... Para não se enganar!
Para aprender a lição que o amor tem para dar.
Para apaziguar as emoções e se sentir integrado consigo mesmo.
É preciso ver com o coração... Para compreender outro coração!
Para perceber que há outras consciências, sem o corpo físico, também olhando os corações e o que cada um carrega por dentro.
E ela compreende e torce pelo melhor, pois vê o Divino em cada ser.
Sim, é preciso ver com o coração, para além do mundo, lá na casa das estrelas... Para perceber outros corações, que vêm de outros, em suas naves reluzentes, para tocarem outros corações, na mesma luz...


Quando o amor fala, o ego cala se!
E só fica o silêncio da compreensão serena e pacífica.
Quem vê com o coração, sabe...
Mas, é preciso ver com o coração...

Célia acordava...despachava se a correr e seguia para a janela e sonhava...

As lições da sabedoria custam caro!
Ninguém ganha ou perde nada.
Viver não é estar ao sabor da sorte ou do azar.
Viver é muito mais!
Em determinadas datas, os homens comemoram algo e trocam presentes.
Hoje recebi um presente...veio um pássaro e levou os meus sonhos nas suas asas...
Amanhã cá estou eu e esse pássaro volta com os meus sonhos todinhos realizados para mim!

É todo o dia... Sempre! era igual...É a vida.
E só vivendo é que se aprende...

Célia ainda estas a janela?

Comentários

  1. Janela... gosto de janelas, um dos melhores sítios para sonhar.
    "coração aberto e a consciência generosa", concordo, difícil é conciliar as duas coisas ao mesmo tempo, mas como dizes as lições de sabedoria são caras:)
    Difícil também é saber falar sobre o coração e tu sabes fazê-lo com muita facilidade e de forma harmoniosa. Gostei muito. Acredito que ela esteja à janela :)

    ResponderEliminar
  2. parece-me que ainda está à janela, mas do ouro lado do sonho...

    ResponderEliminar

Enviar um comentário

Mensagens populares deste blogue

#LoveLetter_AITD