Pedaço de Céu...





Um pedaço de céu que nunca chega
Um pedaço de céu só meu… só nosso… ou talvez de ninguém
Palavras sem dono perdidas no vento
Pensamentos soltos largados ao mar
Escrever e apagar
Lembrar e esquecer
Continuar a procurar
Pedaços de céu
Aqui mesmo onde estamos
Mundo real onde a lei é sonhar
Onde o sonho se canta
E a vida se dança
Chamas que nos aquecem e nunca queimam
Lágrimas que nos molham e nunca correm
Pelas nossas faces impolutas
… Impávidos assistimos a tudo o que passa
E sem mais nem menos deixamos que nos levem…
O nosso… Pedaço de Céu


Comentários

  1. O quotidiano mastiga os sonhos e é sempre preciso inventar outros novos, para mais tarde triturar ou à prova de rodas dentadas. Que prevaleçam os da última estirpe. :)

    ResponderEliminar
  2. agarra o teu pedaço de céu, com unhas e dentes, espero que o sol brilhe muito para ti!

    ResponderEliminar
  3. Um pedaço de tudo e nada (mais do tudo) que nos quer fazer pensar... reparar. A tua poesia é de pálpebras abertas e de olhares vivos.

    ResponderEliminar
  4. Pedaços de céu.nas cores que mais gostarmos, assim vamos por vezes (des)colorindo os dias.

    ResponderEliminar

Enviar um comentário

Mensagens populares deste blogue

#LoveLetter_AITD