Sonhei Verde




Ela acordou e, com o braço mole, passou a palma da mão aberta pelo peito dele com os olhos ainda fechados sorridente ,e disse qualquer coisa...

Sonhei verde

Ele não pergunta o que ela faz o dia inteiro certo - as lições de inglês,certo... não sabia das horas dela,sentia que ela fugia. ( estas doida )?

Sim, verde.

As árvores grandes a volta da casa,o campo cheio de relva que o meu pai corta ao fim de semana,o terraço caiado de branco a sua mesa de madeira comprida e a sua toalha de algodão verde onde se almoça ao domingo,e o lago com os seus nenúfares...

Sim sonhei verde

Ele sentiu uma coisa indesejada uma coisa que não era desejada.
Pensou...ela vai voltar para la para os seus.
Ela tinha estado a sorrir para si mesma,apenas meio acorda,com a ideia de ter sonhado erradamente em verde, uma linha cruzada do velho armazém subconsciente de paisagens,quando na verdade tinha adormecido transportando-se para o brilho imenso do verde onde entrara naquela tarde para alem do tempo e do crescimento.

Numa manhã ,ele também acordou de um sonho.Não conseguiu recordar-se do que fora, atrás de olhos fechados,também ele estendeu uma mão. Estava o espaço frio e vazio. De repente aquele era o sonho,tinha acontecido,ela tinha-se ido embora.


Gostava de ti miúda verde.

Comentários

  1. "Verdes são os campos, da cor do limão..."
    Ninguém pode segurar um coração que sonha verde e está voltado para as raízes. Gostei muito, levou-me às minhas. :) Parabéns.

    ResponderEliminar
  2. Aqui está a prova, às vezes só damos valor a uma pessoa depois de a perdemos... grande lição da miúda verde.

    Gostei de ti "texto verde" :)

    ResponderEliminar
  3. tanta maturidade num texto tão... verde :)

    ResponderEliminar
  4. Como não tenho muito mais a acrescentar. Posso dizer que a sonorização me ajudou a criar o cenário mentalmente. E, qostei muito, claro.

    ResponderEliminar

Enviar um comentário

Mensagens populares deste blogue

#LoveLetter_AITD